fada1 Plano de Aula: Era uma vez... A hora do Conto para crianças

APRESENTAÇÃO E JUSTIFICATIVA

Os contos de Fadas fazem parte da herança cultural de diversas nações e vem se perpetuando por gerações. Bruno Bettelheim, 1980, pág. 352 diz O conto de fadas faz com que a fantasia se torne verdade., sendo assim abrem as portas para o mundo imaginário que nos mostra a realidade dos conflitos, valores, questões universais da condição humana, os contos de fadas são fontes de extrema. A história proporciona a criança viver além de sua vida imediata, vivenciar outras experiências. Por isso seduz, encanta e embriaga. Quando ouvimos uma história e nos envolvemos com ela, há um processo de identificação com alguns personagens. Isso faz com que o indivíduo viva um jogo ficcional, projetando-se na trama. Quem ouve, tem a possibilidade de reconstituir internamente a história com as próprias emoções, sensações e visão de mundo. Os contos de fadas sempre tiveram a função de distrair e instruir, podendo ser um valioso instrumento auxiliar na educação das crianças, por isso é muito importante que o professor conheça bem a historia que será contada e também as crianças que iram ouvir, pois assim ele saberá como trabalhar as questões necessárias para o completo aproveitamento da atividade, assim como para o desenvolvimento da integral das crianças. Sendo assim este trabalho tem como objetivo trabalhar os contos de fada de forma lúdica proporcionando aos alunos um momento não só de aprendizado, mas de diversão e fantasia.

CONTEÚDO

Leitura;
Escrita;
Coordenação motora;
Valores;

OBJETIVOS

Possibilitar o contato com o conto de fadas e as historias fantásticas;
Desenvolver a seqüência lógica do pensamento infantil;
Desenvolver a capacidade de atenção e socialização;
Estimular a capacidade criativa e enriquecer a imaginação;
Ordenar conceitos e formar idéias;
Despertar o interesse dos alunos para os contos de fadas e as historias fantásticas.

PÚBLICO ALVO

Crianças entre quatro à seis anos.

RECURSOS

DVD com o conto de fadas;
Livros de Contos de Fadas;
Lápis, papel, borracha, lápis de cor, giz de cera, hidrocor, tinta guache, pincel, cola, revistas, retalho de pano, tesoura sem ponta;
Computador, aparelho de DVD, televisão, Data Show.

METODOLOGIA

Exibir o DVD com o conto escolhido;
Exposição do livro com o conto;
Socialização de idéias;
Trabalho individual ou em grupo;
Exposição do trabalho desenvolvido pelas crianças;

PROCEDIMENTOS

Incentivação inicial
Apresentações da historia infantil através do DVD de desenho animado.

Movimento 1
Exposição e socialização do livro de conto de fadas escolhido para mostrar as crianças outra forma de se conhecer as historias com o intuito de despertar nelas o interesse pelos livros.

Movimento 2
As crianças analisam e debatem a historia apresentada para desenvolver o seguinte atividade: Recontar a historia da maneira que desejarem, escrita, oral, teatral, em forma de desenho ou colagens.

Movimento 3
Desenvolvimento da atividade criativa.

Movimento 4
Troca de vivencia. Após a conclusão da atividade, as crianças que assim desejarem contaram o que aprenderam ou o que sentem em relação a historia apresentada, como foi recontá-la e o que acharam da atividade feita por seus companheiros de sala.

Movimento 5
Exposição do trabalho desenvolvido para os pais e os outros alunos da escola.

TEMPO DE DURAÇÃO

03 (três ) à 04 ( quatro) horas.

.

BETTELHEIM, Bruno. A Psicanálise dos Contos de Fadas. Tradução de Arlene Caetano 9. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1992 366 p.

Fonte :
Plano de Aula: Era uma vez… A hora do Conto

Pesquisa personalizada

Atividades de educaçao infantil